Críticas, Sem categoria

Por Trás do Personagem #1 Carnificina

É fato que o Spider-Man detém um dos maiores panteões de vilões das histórias em quadrinhos. Isso pela riqueza de detalhes que compõe suas características, desenvolvendo muito bem suas personalidades, além, claro, de que são vilões assustadores. No topo dessa lista, sem dúvida, está o Carnificina, mas o que você sabe sobre esse personagem?

Imagem relacionada

Carnificina ou, em outras palavras, filho sociopata do Venom, surgiu de uma tentativa dos quadrinistas David Michelinie e Chris Marrinan de criar um personagem ainda mais assustador e sanguinário que o gigante azul. Para eles, Venom não era violento o suficiente, pois ainda tinha muita consideração pela vida humana. Eles precisavam de um personagem essencialmente violento, que destroçasse tudo em sua frente. Bom, não preciso dizer que acertaram, né?

O Carnificina, assim como o seu papai, é um simbionte da raça alienígena Klyntar. Esses seres se reproduzem espontaneamente, em dados momentos de sua existência. Uma vez em vida, os simbiontes precisam ir atrás de hospedeiros, e acabam absorvendo os traços de sua personalidade.

Resultado de imagem para cletus kasady

O personagem nasceu quando o Venom, em sua forma primária, tentou salvar seu hospedeiro, Eddie Brock, da cadeia. Apressado para fugir, ele acabou deixando para trás seu descendente, que rapidamente se uniria ao parceiro de cela do Eddie, o serial-killer Cletus Kasady, e se tornaria o Carnificina.

Sobre Cletus Kasady, sabe-se que desde a infância ele esteve mergulhado na sociopatia, cometendo diversos crimes mesmo em seus primeiros anos de vida. Cletus foi o responsável pela morte da própria avó e fez com que seu pai matasse sua mãe. O garoto, então, foi mandado para um orfanato, onde foi responsável pela morte de uma garota e um dos tutores de lá.

Recentemente, a Marvel revelou mais sobre sua origem. Em Teia de Venom: Nascimento de Carnificina”, descobrimos que, quando nasceu, o personagem se enforcou no próprio cordão umbilical e esteve morto por 19min38seg. Após isso, Cletus volta a vida misteriosamente. Depois de um tempo, ele revela a um psicólogo que lembra de ter morrido e de ter ido parar no inferno, dentro de um abismo negro sem fim, enjaulado. Segundo Cletus, é por isso que ele mata as pessoas, pois acredita que está salvando-as das jaulas da humanidade.

Como Carnificina, Cletus não poupou tempo em sair fazendo novas vítimas. Mais poderoso que antes, o personagem assassinava aleatoriamente e assinava com seu próprio sangue seu novo nome. O vilão era tão poderoso que, para derrotá-lo, o Homem Aranha precisou unir forças ao Venom.

Os poderes do Carnificina incluem:

Fator de cura acelerado: Ele é capaz de curar o corpo do seu hospedeiro de ferimentos à doenças em estado terminal. Isso numa velocidade absurda.

Ligação telepática: Os Klyntar são capazes de estabelecer uma ligação telepática com seus hospedeiros. Isso permite que eles tenham aceso às suas mentes mesmo quando não estão ligados simbioticamente.

Memória genética: Os simbiontes Klyntar detém parte da memória de seus progenitores. No caso do Carnificina, pelo fato de seu pai, Venom, já ter se unido ao Homem Aranha, ele obteve alguns poderes similares ao do herói.

Rearranjamento de biomassa: O Carnificina é capaz de moldar sua massa corporal. Isso significa que ele pode rearranjá-la em formatos diversos, como tentáculos e objetos cortantes. Apesar de outros simbiontes deterem o mesmo poder, ele é o único capaz de controlar sua massa corporal, removida de seu corpo, em longas distâncias.

Habilidades sobre-humanas: Unido a um hospedeiro, as habilidades do simbionte ampliam-se a nível sobre-humano.

Camuflagem: Ele é capaz, também, de assumir formas de peças de roupa, por exemplo, para se camuflar.

A relação entre o simbionte escarlate e Cletus Kasady é muito estreita, porém o serial-killer não foi seu único hospedeiro. A lista de anfitriões, digamos assim, do Carnificina é longa e inclui nomes como Norman Osborn, que, junto ao alienígena, formou o Duende Vermelho, John Jameson, Ben Reiley e o Surfista Prateado. 

Resultado de imagem para duende vermelho

Com a maior parte desses, o Carnificina teve uma breve história, mas em Cletus, o vilão encontrou o que ele costuma chamar de hospedeiro perfeito.

Resta-nos esperar que a Sony, em seu aranhaverso, decida dedicar um filme ao assassino escarlate, levando em consideração a cena pós-crédito do filme do Venom!


Gostou do nosso primeiro Raio X? Chegou a hora de você nos indicar novos personagens que voltaremos aqui e falaremos sobre eles!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s